ç à Þ.net/news

"Outra vez arroz?!" Hoje tem início mais uma edição da ...

Vitor Gamito, le texte de sa publication du 31-07-2019 08:44:52 :
"Outra vez arroz?!"

Hoje tem início mais uma edição da Volta a Portugal. Já sei: "Isto é meia Volta", "Isto é Volta ao Norte", bla bla bla...

Eu até concordo, mas caramba, é só o que sabem dizer quando aparece uma notícia sobre este evento?! Fico com a impressão que a maioria nem sequer acompanha ciclismo, que nunca fez um comentário construtivo, e que apenas comenta porque gosta de criticar, como em todos os outros assuntos que circulam nas redes sociais!

É facto que a Volta há umas dezenas de anos cobria quase toda a área de Portugal Continental, mas também é facto que chegou a ter 3 semanas de duração, ou seja, o mesmo tempo de uma grande volta da atualidade (Tour, Giro e Vuelta).
A partir da década de 90 o cenário começou a mudar de figura. Terá sido a década da transição e da qual eu fiz parte. As portas abriam-se a equipas estrangeiras. Grandes nomes internacionais começaram a entrar na startlist da nossa Volta. Gianni Bugno, Zenon Jaskula, Wladimir Belli, Festina, Melcior Mauri, entre tantos outros nomes!
Nesta altura a Volta já tinha levado um pequeno corte ao passar de 21 dias para cerca de 16. Mesmo assim as equipas estrangeiras queixavam-se que a Volta era demasiado dura. Muitos dias e ainda mais com temperaturas muitas vezes superiores a 40ºC!
Os portugueses sempre estiveram habituados a isto, ainda mais que este sempre foi o ponto alto de toda uma temporada. O resultado que prevalecia no palmarés de um ciclista português sempre foi quase exclusivamente o da Volta. Mesmo estes grandes nomes sentiam dificuldade em lutar mano a mano com os melhores ciclistas nacionais. E só o conseguiam algumas vezes porque a sua rodagem internacional e os métodos de preparação eram mais avançados que os das equipas nacionais com orçamentos 10 a 20 vezes inferiores.

Entretanto as regras da UCI (União Ciclista Internacional) começaram a mudar, e a Volta para continuar a receber estes grandes nomes internacionais teve que as cumprir. Uma delas foi reduzir ainda mais o número de dias, passando de duas semanas completas a semana e meia.

Número de dias reduzido significa incondicionalmente eliminar alguns pontos no mapa. E aqui entra também o orçamento e as limitações financeiras das autarquias, principais financiadores desta festa de Verão.

Todos sabemos que as autarquias e as empresas a Norte beneficiam de uma melhor saúde financeira. Como se não bastasse existem mais adeptos de ciclismo a Norte. Juntando a estas variáveis o facto de a capacidade hoteleira em Agosto estar a TOP e os respectivos preços por cabeça no Algarve estarem pela hora da morte não será difícil perceber porque razão a organização opte por etapas mais a Norte.

De qualquer modo também não é como "pintam". No ano passado ainda foi ao Baixo Alentejo. E este ano passará por 2 concelhos do Alto Alentejo. O Algarve, esse sim, esteve fora no ano passado, e vai estar este ano. Mas por outro lado tem a Volta ao Algarve com uma lista de participantes capaz de envergonhar qualquer edição da Volta a Portugal!

(Correção: afinal no ano passado até foi ao Algarve! Albufeira)

E soluções?
"Despromover" de categoria a Volta a Portugal, fazendo uma prova mais caseira, unicamente com as equipas nacionais e algumas amadoras estrangeiras, mas sem nomes sonantes internacionais, permitindo desta forma aumentar o número de dias?
A Volta ao Algarve passaria a ser a nossa prova internacional por eleição, e a Volta a Portugal a nossa habitual festa de verão apenas com protagonistas nacionais.
Se isto for possível a nível regulamentar, parece-me a única solução.

Just my 50 cents 🙂

Nota: algumas imagens foram retiradas da Wikipedia.

Traduire cette publication :

La publication complète :

Une publication de Vitor Gamito

gamito.vitorBem vindo à página oficial de Vitor Gamito - ex-ciclista profissional e atleta olímpico.
“If you are not having fun, you are not doing it right”

Ces publications précédentes

Le 20-07-2019 :
Hoje para variar fui até Monsanto, muito bem
acompanhado com os grandes Javalis 🚵🏻‍♂️👊

Um belo parque de diversões 😘

#scottsransom

Message de Vitor Gamito du 19-07-2019Le 19-07-2019 :
Não perco a etapa de amanhã - chegada ao Tourmalet - por nada!!!
Até onde é que este “classicomano” é capaz de chegar e surpreender numa prova de 3 semanas?!...
En voir plus

Message de Vitor Gamito du 17-07-2019Le 17-07-2019 :
A GoldNutrition lançou mais uma boa opção para um snack, muito baixo em açúcar e uma boa quantidade de fibra 👌

Dos 3 sabores disponíveis, dois deles são deliciosos 😍...
En voir plus

Message de Vitor Gamito du 17-07-2019Le 17-07-2019 :
Scott Addict 20 Disc em promoção!!!! 😱👌
En voir plus

Message de Vitor Gamito du 14-07-2019Le 14-07-2019 :
Mais uma manhã no parque de diversões 😍🚵🏻‍♂️
Com Scott Ransom na companhia de Amândio Pacheco e Renato Flórido
Voir la vidéo

Voir toutes ces publications

Cela pourrait aussi vous intéresser

Volta a PortugalVolta a Portugal
31-07-2019 08:32:36

Message de Volta a Portugal du 31-07-2019Rui Porto Nunes vai estar no FB e no instagram todos os dias com Diretos e Videos sobre a Volta. Acompanhe!!!
En voir plus

Team Cycling FunvicTeam Cycling Funvic
31-07-2019 00:24:37

Message de Team Cycling Funvic du 31-07-2019portalr3.com.br : A cidade de Pindamonhangaba receberá, no dia 10 de agosto, a 2ª etapa da 4ª edição da Volta Ciclística Internacional da Cidade de Guarulhos. A etapa terá largada...
En voir plus

Joni BrandãoJoni Brandão
30-07-2019 21:20:03

Message de Joni Brandão du 30-07-201981.ª Volta a Portugal 🇵🇹

Hoje foi dia de apresentação e amanhã sai para a estrada a competição mais aguardada pelos amantes de ciclismo.
Não prometemos ganhar mas prometemos deixar...
En voir plus

José MendesJosé Mendes
30-07-2019 20:01:33

Message de José Mendes du 30-07-2019Apresentação @voltaportugal
@sportingcptaviraoficial
📸 @joaofonsecaphotographer
En voir plus

Filipe Cardoso - AtletaFilipe Cardoso - Atleta
30-07-2019 19:42:16

Message de Filipe Cardoso - Atleta du 30-07-20192007 a 2019 - Volta a Portugal

O tempo passa muito rápido.
En voir plus

Voir toutes les publications Road Cycling / Cyclisme sur route

En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l’utilisation de cookies pour vous proposer des contenus adaptés à vos centres d’intérêts. En savoir plus.